Aprenda a preparar o Quentão, a bebida indispensável para esse mês de junho

A Festa Junina é uma das mais fantásticas demonstrações de cultura do nosso país, e apesar de muitas pessoas terem perdido a oportunidade de viver as quermesses gostosas, com instrumentos culturais, sociais, gastronômico ainda é possível encontrar muitas festas por aí.

Tem a  dança da quadrilha, da cobra e da fogueira, o pé-de-moleque fresquinho, o bigodinho de lápis preto e as pintinhas na bochecha das crianças. Chapéu de palha, fogueira, bandeirola, pipoca quentinha e muito “olha o túnel”. E não podemos esquecer do Quentão! Não há festa junina sem um quentão reforçado, servido em jarra com concha de metal!quentãoAquele cheirinho de gengibre misturado com açúcar, cravo e canela e cachaça…vai penetrando em todos os cantos da casa, da festa…Ah, fala a verdade, não tem champagne que pague esse momento. Reza a lenda que o primeiro quentão foi servido por volta de 1810, com a chegada da corte portuguesa ao Brasil, mesclando hábitos portugueses aos nossos caipiras, como a quadrilha e o pau-de-sebo.

Basicamente, a receita é cachaça de boa qualidade, água para diluir o álcool, gengibre, um pouco de açúcar, cravo da índia, canela em pau, e limões. Uma delícia!

Aprenda a Receita

Quentão 

1 litro de cachaça de boa qualidade (não economize nisso)
500 ml de água mineral
2 raízes de gengibre descascados e cortados em fatias
5 bagas de cardamomo
5 cravos da índia inteiros
5 canelas em pau médias
2 limões médios cortados em rodela
1 laranja média cortada em rodelas
100 g de açúcar demerara (de preferência)

Em uma panela de metal funda de aproximadamente 2 litros coloque o gengibre com açúcar em fogo médio e deixe até que ele comece a caramelizar para então adicionar a água. Mexa sempre para não deixar queimar o açúcar. Amasse um pouco o cardamomo para liberar mais sabor. Acrescente todos os outros ingredientes, exceto a cachaça e os cítricos e deixe esquentar até ferver. Abaixe o fogo e deixe em fogo médio por aproximadamente 10 minutos.

Em seguida acrescente a cachaça, os cítricos e mantenha em fogo médio por mais 5 minutos. Desligue e sirva imediatamente. Decore com uma fatia de laranja com um cravo espetado imersa ao copo. Sirva sem canudo!

Receba nossa newsletter com os melhores artigos do universo da mixologia.

Obrigado por se inscrever!