Como todo bom clássico o Toronto Cocktail é acompanhado de muitas histórias e muita controvérsia.

Este coquetel “muito apreciado pelos canadenses da cidade de Toronto” na década de 1920 foi revivido pelo bartender canadense, residente em Seattle, Jamie Boudreau.

Seu primeiro registro aparece no livro de Robert Vermeire “Cocktails and How to Mix Them” de 1922 sobre o nome de Fernet Cocktail, embora atualmente seja mais conhecido por Toronto Cocktail.

Como já pode-se suspeitar o coquetel leva o famoso digestivo italiano da cidade de Milano: Fernet.
O coquetel tem uma pegada de Old Fashioned e complementa as notas de especiaria dos bitter aromáticos com as notas florais e mentoladas do Fernet.
Tornando-o uma excelente pedida para incontroláveis bebedores de Old Fashioneds ou para refletir sobre a vida numa noite de outono.

Na receita de 1922 o destilado base pode ser Cognac ou Rye Whiskey, contudo, no livro “The Fine Art of Mixing Drinks” de 1948, David Embury recomenda um canadian blended whiskey, que de certa maneira se assemelha ao rye whiskey americano.

Logo temos um perfil de sabor picante e com especiarias do rye, complementado com as notas aromáticas e mentoladas do fernet e do bitter aromático e arrendondado com um toque de açúcar.

Apresento agora uma receita com medidas para este delicioso clássico esquecido.

toronto cocktail2TORONTO COCKTAIL

50 ml de rye whiskey
5 ml de xarope de açúcar
5 ml de fernet
1 dash de Angostura bitters

Mexer com gelo e servir em taça previamente resfriada ou sobre gelo em copo baixo.
Decorar com casca de laranja.

Caso deseje substituir seu rye whiskey por um bourbon com grande concentração de centeio digo que a controvérsia apenas aumenta!

O livro de 1916 “Recipes for Mixed Drinks” escrito por Hugo Enslin apresenta a receita de um coquetel com bourbon, fernet e açúcar (King Cole Cocktail). Este coquetel também aparece no livro de cocktail do Savoy Hotel e é decorado com uma fatia de abacaxi.

Apesar da grande diferença entre um King Cole e um Toronto, a retirada de bitter aromático e a fatia de abacaxi, um fato é certo: Whiskey e Fernet é sempre uma combinação deliciosa.

Corra logo para o balcão mais próximo e experimente esta variedade de combinações altamente elegantes. Qual você gostou mais? Deixe seu comentário abaixo.

Receba nossa newsletter com os melhores artigos do universo da mixologia.

Obrigado por se inscrever!